Você está em: Home >> Sobre nós >> História da Igreja Matriz de São Benedito

HISTÓRICO BREVE DA IGREJA MATRIZ DE SÃO BENEDITO


      Se o bairro de Guaianases tivesse um cartão postal, certamente seria a Paróquia Matriz de São Benedito. Ela está encravada ao lado da estação, na Rua Salvador Gianetti, dando  boas vindas a quem chega ao bairro – seja de carro, seja de trem.
       Mas ela só está assim, bonita e organizada,  por causa da grande contribuição  dos irmãos paroquianos.       Agradecemos ao nosso Pároco, Padre Valdir Viana, sacerdote diocesano que está conosco  a mais ou menos 27 anos,  e está acompanhando com determinação  e competência  este processo lento, mas muito gratificante do crescimento da nossa Igreja.
      Fundada em meados de 1940, tem como documento oficial mais antigo um termo de doação do terreno, localizado às margens da linha do trem. O doador foi Benedito Leite d’Ávila, um juiz de paz nascido  em Guaianases.  Na época, o bispo da Arquidiocese de São Paulo era  Dom  José Gaspar (A então Diocese de São Miguel foi criada somente em 1989). E foi o próprio bispo que assumiu  o compromisso de ali construir uma Igreja. Um fato curioso seria: Por quê tão grande? Já  que  nessa época Guaianases era muito vasta em terreno porém pequena em população, sem  contar  com   a existência de  muitos terrenos e chácaras, fora o "brejão",  ou  seja,  um terreno ruim  e  encharcado que existia  na  região  do terreno. A Paróquia,  elevada em 1954,  teve como  padres/vigários: Justino Corst, Guido, Gilberto, Miguel  Switsar, Valter  Pasmaus  (1950-1955), Victor Estanislau Kavolis, (1959-1966) José Maria (1967-1990) e Valdir  Viana,  que está conosco e  teve como missão primeira reestruturar  as nove comunidades para que se criassem as Paróquias de São Pedro e Nossa Senhora da Glória. Em 2004,  a  Paróquia foi Sagrada a São Benedito.


26/08/2015 by ADMIN